>Artistas fazem passeata em favor da política pública de Cultura do Estado

>Centenas de pessoas saíram em cortejo em defesa perlas ruas do centro do Recife, e entregaram um manifesto defendendo a política cultural a deputados na Assembléia Legislativa

Em vez de piquetes, estandartes, golas de maracatu, percussão e instrumentos de sopro. Assim foi a passeata promovida por centenas de artistas na manhã desta sexta-feira (04/06) – que saiu do Cinema São Luiz em direção à Assembléi
a Legislativa de Pernambuco (Alepe) – em defesa da política pública de cultura que vem sendo adotada pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe).

>> Veja o vídeo do manifesto em cortejo na Rua da Aurora
>> Confira o discurso em defesa da política de cultura da Fundarpe
>> Leia o manifesto na íntegra

Em cortejo pela Rua da Aurora, os manifestantes, entre eles caboclos de lança, caretas de Triunfo e bacamarteiros, leram, em frente ao prédio da Fundação, um manifesto ressaltando os avanços e conquistas adquiridos durante a atual gestão, como, por exemplo, a realização de 111 fóruns regionais e setoriais de cultura, bem como a promoção de 154 conferências municipais de cultura, número considerado um dos mais altos do país.

Ao chegar à Alepe, uma comissão foi recebida pelos deputados Teresa Leitão e Sérgio Leite no Salão Nobre da casa. Quem primeiro tomou a palavra foi a produtora cultura Carla Valença. “Viemos entregar o Manifesto por uma Política Pública de Cultura e, até o final de junho, estaremos recolhendo assinaturas de apoio a esse movimento”, informou.
Já Paula de Renor, que também é produtora, lembrou da importância da aprovação, “o quanto antes, da Lei da Política Pública de Cultura, que vem sendo discutida há dois anos pelo tecido cultural, em parceria com a Fundarpe. É preciso que a cultura seja uma política de Estado, independentemente de gestão”, avaliou.

Em resposta, Teresa Leitão se comprometeu em agendar uma audiência pública para a discussão do assunto, tão logo chegue à Assembléia o projeto da Lei. “Vamos dar visibilidade a esse projeto de lei, tão importante para a consolidação de um setor tão importante quanto o cultural”, disse. O Manifesto por uma Política Pública de Cultura será entregue ao presidente da Assembléia, Guilherme Uchôa, na segunda-feira (8 de junho).


Beth de Oxum foi porta-voz na manifestação dos artistas pernambucanos

Fonte: Portal Pernambuco Nação Cultural
Foto: Dani Bastos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s