Coco de Umbigada contra o genocídio do Povo Negro

Foto de Ronaldo Eli.

Esse monumento foi erguido ontem, 24 de agosto, na comunidade de Vila Moisés na região do Cabula, em Salvador-BA, pelo Movimento REAJA, fui convidada a fazer uma fala, junto a outros sacerdotes de matriz africana, histórias que não foram contadas, chacina de 13 jovens negros assassinados pela polícia, relatos desesperadores de mães que além de conviver com a dor de perder os filhos, convivem com o racismo institucional do estado brasileiro, que mata, que aterroriza, que chancela todos como criminosos, e se vale de induto criado pela ditadura para inquéritos não serem nem se quer abertos, pois reagiram a prisão e foram mortos.

11951264_10204500354338418_8614197212976926111_n 11960050_968557106540050_5605008626626848320_n

Auto de Resistência só em Pernambuco já passam de 12 mil, ou seja 12 mil pessoas assassinadas pelo estado e sem ter direito nem se quer a um processo, porque reagiu a prisão.


REAJA OU SERA MORTO, REAJA OU SERA MORTA !!!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s